Cabezón Administração Judicial

BAR E REST. DANÇANTE MIMAR LTDA – EPP

BAR E REST. DANÇANTE MIMAR LTDA – EPP

PROCESSO: 1080970-34.2018.8.26.0100 - Acesse o processo

ADMINISTRADOR: Cabezón Adm. Judicial EIRELI (Ricardo M. Cabezón)

PEDIDO: 06/08/2018

DEFERIMENTO: 08/08/2018

VARA: 2ª. Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Foro Central da Comarca de São Paulo/SP

JUIZ DE DIREITO: Dr. Marcelo Barbosa Sacramone

INFORMAÇÕES DO ADMINISTRADOR JUDICIAL


Atenção: As observações a seguir descritas formam um resumo geral do procedimento realizado pelo Administrador Judicial com intuito colaborativo de informar os credores e/ou interessados sobre o que ocorre nos autos.

Tais explanações não eximem eventual interessado(a) de realizar consulta detalhada nos autos, ou mesmo de constituir um profissional da advocacia para se informar sobre todos o teor do processo e suas implicações.

 


INFORMAÇÕES DO PROCESSO

ATUALIZADO EM ABRIL/2019

Trata-se de pedido de Recuperação Judicial formulado pela empresa BAR E RESTAURANTE DANÇANTE MIMAR LTDA – EPP (LOVE STORY), doravante denominada RECUPERANDA em 06/08/2018 (fls. 01 a 18 dos autos).

Em 08/08/2018 às fls. 118-122 dos autos temos o deferimento do processamento da Recuperação Judicial pelo Dr. Marcelo Barbosa Sacramone, titular da 2ª. Vara de Falências, Recuperações Judiciais e Conflitos Relacionados à Arbitragem de São Paulo – Capital, pelo qual foi nomeado como Administrador Judicial (AJ) do procedimento o Dr. Ricardo de Moraes Cabezón. (vide Arquivo nº. 01 - Download ao final da página).

Em 09/08/2018 conforme fls. 123-124 dos autos, o Administrador Judicial junta o termo de compromisso devidamente assinado. (vide Arquivo nº. 02 - download ao final da página).

Cartório em 16/08/2018, conforme fls. 131-137 dos autos, apresenta o Edital de Convocação de Credores. (vide Arquivo nº. 03 - download ao final da página).

O Adm. Jud. em 17/08/2018, conforme fls. 138-146 dos autos, informa que encaminhou aos credores a decisão do deferimento do processamento da Recuperação Judicial, bem como, solicitou aos credores que apresente os dados bancários para posteriores pagamentos, vinculados à aprovação do plano de recuperação judicial.

Em 24/08/2018, conforme fls. 167-203 dos autos, o AJ apresenta o Primeiro Relatório Mensal das Atividades (RMA), do ano de 2.017 e de janeiro a julho de 2.018. (vide Arquivo nº. 04 - download ao final da página).

Escritório Central de Arrecadação e Distribuição – ECAD em 10/09/2018, conforme fls. 288-341 dos autos, informa que apresentou ao AJ sua divergência não concordando com a classe em que fora enquadrado, requerendo ao que seja retificada a classificação de seu crédito.

Em 11/09/2018, conforme fls. 342-358 dos autos, a Recuperanda requer a juntada dos protocolos da decisão do deferimento do processamento da Recuperação Judicial realizado junto aos órgãos das Fazendas Públicas, Estado e Município, bem como junto a Junta Comercial do Estado de São Paulo – JUCESP.

Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo em 12/09/2018, conforme fls. 359-458 dos autos, apresenta divergência de crédito alegando que o valor apresentado pela Recuperanda é inferior ao valor devido.

Decisão do MM. Juízo em 09/10/2018, conforme fls. 487 dos autos, para que dê ciência aos credores sobre o relatório apresentado pelo AJ e apresente a recuperanda os documentos requeridos pelo AJ.

Recuperanda em 11/10/2018, conforme fls. 489-506 dos autos, apresenta o Plano de Recuperação Judicial, (vide Arquivo nº. 05 - download ao final da página).

Administrador Judicial em 24/10/2018, conforme fls. 577-581 dos autos, informa que ate o presente momento não lhe fora entregue os documentos solicitados à recuperanda, requer em caráter de urgência a sua intimação para que apresente os referidos documentos.

Em 29/10/2018, conforme fls. 582-626 dos autos o Adm Jud apresenta sua Relação de Credores e manifestação sobre o plano de recuperação judicial, requerendo seja ofertada vista ao Ministério Público e demais interessados. (vide Arquivo nº. 06 - download ao final da página).

O r. Juízo profere decisão em 08/11/2018, conforme 627-628 dos autos, dentre outras medidas, determinando manifestação da devedora e sócios sobre apurações do AJ; que apresentem documentos solicitados; que adeque o plano de recuperação conforme apontado pelo AJ; e, que o AJ envie a minuta do edital do quadro de credores ao Cartório. (vide Arquivo nº. 07 - download ao final da página).

Em 08/11/2018, conforme fls. 629-631 dos autos, o AJ comprova o envio da minuta do edital do quadro de credores à Serventia e manifesta que aguarda o cumprimento da r. decisão de fls. 627-628 pela Recuperanda e seus sócios.

O r. Juízo profere decisão em 14/11/2018, conforme fls. 632 dos autos, designando audiência para o dia 28/11/2018 às 14:30, para que a Recuperanda apresente toda a documentação faltante já requisitada pelo Administrador Judicial.

Em 22/11/2018, fls. 641-642 dos autos, o edital da relação de credores do Administrador Judicial é liberado nos autos. O referido edital foi disponibilizado no DJE de 04/12/2018, conforme fls. 1.674-1.675 dos autos. (vide Arquivo nº. 08 - download ao final da página).

Recuperanda em 26/11/2018, às fls. 643-1042 dos autos, informa que vem cumprindo com os prazos processuais e tentando ao máximo entregar toda documentação solicitada ao AJ; requer a juntada dos documentos faltantes, bem como o cancelamento da audiência designada para o dia 28/11/2018.

Nas fls. 1.045-1.063 dos autos, em 26/11/2018, a sócia Michelle apresenta documentos, requerendo que cancelamento da audiência e que o AJ se manifeste sobre a documentação enviada.

Em 28/11/2018 é realizada audiência, cujo termo se acostou às fls. 1.064-1.070, da qual as partes saíram intimadas para apresentação de documentos. (vide Arquivo nº. 09 - download ao final da página).

A sócia Michelle apresenta em 03/12/2018, fls. 1.079-1.673 dos autos, manifestação e documentos em caráter de sigilo, acerca a rotina e administração da Recuperanda.

Nas fls. 1.676 dos autos, o Ministério Público se manifesta pela petição datada de 04/12/2018, anotando ciência do processamento da recuperação judicial e requerendo instauração de inquérito.

O r. Juízo profere decisão em 12/12/2018, conforme fls. 1.705-1.707 dos autos, dando impulsionamento e determinando, dentre outras medidas, a fixação dos honorários da administração judicial e que a administração da Recuperanda seja realizada em conjunto por todos os sócios, e, indeferindo o pedido de sigiloso sobre documentos juntados nos autos. (vide Arquivo nº. 10 - download ao final da página).

Em 13/12/2018, fls. 1.709-1.710 dos autos, a Recuperanda informa que apresentou os documentos ao AJ.

O Administrador Judicial em 17/12/2018 informa pela petição de fls. 1.724-1.726 dos autos, que recebeu documentação da Recuperanda, mas que remanescem documentos para apresentação e que realizou diligência solicitando.   

Em 19/12/2018, nas fls. 1.729 dos autos, o AJ informa que recebeu os documentos remanescentes, que serão analisados para posterior confecção de RMA e manifestação.

A sócia Michelle Moraes Burigo comunica em 28/01/2019, fls. 1.742-1.798 dos autos, interposição de agravo de instrumento em face da decisão de fls. 1.705/1.707.

Em 29/01/2019, conforme fls. 1.799-1.800 dos autos, o AJ requer certificação de decurso do prazo para impugnações ao quadro de credores.

O Administrador Judicial em 07/02/2019, conforme fls. 1.813-1.908 dos autos, apresenta o Relatório Mensal das Atividades (RMA), dos meses de agosto, setembro e outubro do ano de 2 de 2.018 e apurações preliminares sobre a ligação da Recuperanda com a empresa J.T.F.F. (vide Arquivo nº. 11 - download ao final da página).

A Serventia em 13/02/2019 libera no processo, fls. 1.909/1.910 dos autos, ofícios protocolados na Junta Comercial do Estado de São Paulo e ao 1º Distrito Policial da Sé.

Em 20/02/2019 o r. Juízo profere decisão, que se acostou nas fls. 1.911/1.912 dos autos, dentre outros pontos determinando ciência aos interessados do relatório do AJ e que a Recuperanda apresente documentos. (vide Arquivo nº. 12 - download ao final da página).

Em 18/03/2019 a Recuperanda às fls. 1.915/1.917 manifesta ciência do relatório do apresentado pelo AJ e se posiciona sobre o pedido de habilitação de crédito feito por credor trabalhista.

O AJ em 21/03/2019 nas fls. 1.919/1.932 dos autos, protocola manifestação que, dentre outros pontos, informa que encaminhou a Juízo Trabalhista ofício conforme determinado e que estão pendentes de apresentação documentos pela Recuperanda.

O r. Juízo profere decisão em 12/04/2019, conforme fls. 1.935/1.936 dos autos, dando impulsionamento e determinando, dentre outras medidas, apreciando discussão de crédito trabalhista; deferindo pesquisas em nome da a empresa J.T.F.F e sócio, assim como intimação para apresentação de documentos e esclarecimentos; e, determinando que a Recuperanda apresente documentos ao AJ. (vide Arquivo nº. 13 - download ao final da página).

Em 26/04/2019, fls. 1.947/1.955 dos autos, o AJ apresenta manifestação sobre informações de pesquisa da marca LOVE STORY no INPI e requer intimação da Recuperanda para esclarecimentos.

DOCUMENTOS:

Avisos

Nenhum aviso publicado no momento sobre o processo.

Para mais informações

SOBRE O PROCESSO, PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO: